Acadêmicos da Engenharia de Computação recebem material voltado à criação de softwares

Os acadêmicos do primeiro semestre do curso de Engenharia de Computação da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) dispõem de uma nova ferramenta para estudo. Um kit, composto por dispositivos que possibilitam a criação de softwares, foi distribuído aos ingressantes. O equipamento faz parte da disciplina de Projeto Integrador I.
Dividida em oito semestres, a disciplina integra o novo currículo da graduação, conforme explica o coordenador, professor Cláudio Diniz. “Ela foi criada para ser um espaço de prática e exercício das outras disciplinas e conhecimentos adquiridos ao longo do curso”, diz. O objetivo é, a cada semestre, propor um desafio que deve ser solucionado pelo acadêmico, invertendo, assim, a abordagem tradicional de ensino.
O novo método de construção do conhecimento é mais próximo da realidade do mercado de trabalho. De acordo com Diniz, um nicho que vem se popularizando cada vez mais, por exemplo, é o de sistemas embarcados – sistema mais simples que um computador encarregado de executar uma função pré-determinada repetidas vezes. “O kit que distribuímos aos alunos foi pensado para atender essa demanda”, explica.
Além disso, o kit também foi escolhido para que o aluno se familiarize com o curso já no primeiro semestre. O professor da disciplina, Sérgio Almeida, ressalta a relação da ferramenta com a proposta. “A ideia é que, ao avançar dos semestres, o acadêmico se aproprie do kit e dos ensinamentos de sala de aula para criar projetos úteis à sociedade”.
A aluna, Helena Garcia Tavares, também destaca a aplicação prática da teoria através do novo instrumento. “Com o kit podemos por em prática os conteúdos de outras disciplinas”. E acrescenta a autonomia na criação de projetos. “O kit é ótimo porque podemos usar em casa, desenvolver atividades independentes de sala de aula”, avalia.
Redação: Piero Vicenzi

foto da notícia